AD (728x90)

sábado, 20 de dezembro de 2008

Tipologia extraterrestre


Na Ufologia, estudo de fenômenos que possam ter origem extraterrestre, são correntes as especulações sobre a existência de várias raças de seres alienígenas e até são nomeadas, i.e., haveria uma tipologia extraterrestre. Relatos sobre ocorrência de abduções são freqüentemente divulgados e quase sempre com destaque na mídia. Os que afirmam terem sido abduzidos ou tido algum tipo de contato costumam descrever, às vezes, pormenorizadamente, os seres e o evento em si.
O campo científico parece dividir-se: uns são totalmente céticos em relação a existência de
vida inteligente fora do planeta Terra, mas existem aqueles que levantam a hipótese de que possa ocorrer, justificando, inclusive, programas governamentais que investem recursos exorbitantes na busca de informações: o Programa SETI desenvolvido pela NASA é um deles.
Alguns consideram não ser nem especulação "científica" mas pura "
ficção científica". Mas é, no mínimo, um dado sociológico relevantíssimo o fato de que uma parcela muito significativa da sociedade acredite na existência de seres extraterrestres, classifique-os, relatem contatos; da mesma forma, uma boa parcela acredita em seres mitológicos, em fadas e duendes, em magos e feiticeiras, ou na possibilidade da reencarnação, na existência do paraíso celeste, etc.
Entretanto, não é tão simples assim. Estruturas diferenciadas de pensamento convivem dentro de um mesmo universo cultural e passado o predomínio da corrente
evolucionista as respostas para determinadas questões mudaram drasticamente. São inúmeras as crenças, e estas, dentro de uma mesma tradição cultural, apresentam, às vezes, muita diversidade, basta atentar para as dezenas, centenas, de denominações cristãs, ou das correntes que o islamismo apresenta.
A
Física moderna tem um discurso muito similar, por exemplo, ao das mais refinadas cosmologias religiosas. Explicar isto é um dos grandes desafios que percorrem o campo científico a partir das últimas décadas do século XX. Os livros de Fritjof Capra fizeram imenso sucesso.
Quando se fala de tipologia extraterrestre ou em vida fora do planeta Terra, o imaginário popular ainda reporta aos tipos recorrentes no campo da Ufologia: como
estes tratados abaixo. Não se trata apenas disto. A vida fora da Terra é um objeto constituído no campo da ciência acadêmica que já conta com disciplinas especializadas, como a Exobiologia (Xenobiologia ou Astrobiologia).
O
Projeto Argus é um consórcio envolvendo 5.000 pequenos radiotelescópios ao redor da Terra para que, coordenados, façam escuta radioastronômica, numa busca de sinais em microondas que sejam de possível origem extraterrestre inteligente.
O Projeto Cíclope , foi um projeto elaborado, em 1971, por uma equipe de cientistas da American Society for Engeneering Education, liderada pelos físicos Bernard M Oliver (1916-1995) e Jonh Billingham, no
EUA. Este projeto não entrou em execução em virtude de alto custo que equivalia ao orçamento de todo o Programa Apollo. Seu objetivo era desenvolver os veículos de captação de sinais de uma civilização extraterrestre tecnológica. A NASA, entretanto, desenvolveu, posteriormente, um projeto muito mais ambicioso: o programa SETI.
O Caso Roswell, ou Incidente em Roswell diz respeito a um rumoroso acontecimento que teria transcorrido na localidade de Roswell (
Novo México, EUA), em Julho de 1947, onde supostamente um OVNI teria caído. O assunto é motivo de muitas discussões e especulações. O governo americano é acusado de sonegar informações sobre o caso e uma pesquisa feita pela rede de TV CNN apontou que 80% dos entrevistados estavam convencidos disto. Uma das suposições é a de que neste incidente teria sido capturado algum espécime extraterrestre.

Written by

We are Creative Blogger Theme Wavers which provides user friendly, effective and easy to use themes. Each support has free and providing HD support screen casting.

0 comentários:

Total de visualizações

 
Powered by Blogger